Cadastre seu e-mail para receber notícias do Vitória

Você receberá um e-mail com um link, clique nele para ativar e confirmar sua inscrição. Caso não tenha recebido, cadastre-se novamente.

Vitória x Ramirez: novela ainda não terminou

RamirezO volante do Vitória, Ramirez, continua fazendo das suas longe de Salvador. Logo após abandonar o rubro-negro por duas vezes neste início de temporada, o atleta foi cedido ao Sport, por empréstimo até o final do ano, mas não aceitou o negócio. Ele entrou com uma liminar na justiça anulando o acordo com o Leão da Ilha do Retiro para poder jogar no Náutico, clube que é ídolo.

Porém, sua vida deve ficar muito complicada nas próximas semanas. Isso porque o rubro-negro baiano vai entrar com uma ação para não deixá-lo atuar pelo Timbú. Essa informação foi confirmada pelo diretor de futebol do clube, Beto Silveira, ao Bahia Notícias no início da noite deste domingo, logo após o triunfo da equipe sobre o Juazeiro, por 3 x 1, no estádio Pedro Amorim, em Senhor do Bonfim.

O departamento jurídico do Leão baiano deve começar a tomar suas providências contra o atleta nesta segunda-feira, iniciando uma verdadeira batalha. Caso consiga êxito, o rubro-negro pode suspender o contrato do volante e ele ficará sem atuar em nenhuma agremiação do futebol.

RAMIREZ ASSINA CONTRATO COM O NÁUTICO
Ramirez - NáuticoA novela está apenas no começo e promete ter grandes emoções nas próximas semanas. Essa é a situação do volante Ramirez. Anunciado pelo Náutico na noite deste domingo, em seu site oficial, o jogador, que abandonou o Vitória alegando que não queria mais ficar na Toca do Leão, assinou contrato com o clube pernambucano até o final do ano que vem, iniciando uma verdadeira batalha jurídica agora.

De acordo com a diretoria do Náutico, o jogador conseguiu sua liberação do rubro-negro junto a Justiça do Trabalho, já que o clube baiano não estava recolhendo regulamente os depósitos fundiários. Essa liminar autoriza o atleta a firmar contrato de trabalho com qualquer agremiação do mundo.

Segundo Berillo Júnior, presidente do Timbu, os dirigentes trabalharam muito para trazer Ramirez de volta aos Aflitos. "Trabalhos forte para trazer Ramirez de volta. Era vontade nossa e do atleta também. Deu tudo certo e hoje ele é nosso jogador", disse o mandatário em entrevista ao site oficial.

Contudo, a permanência do polêmico volante em Recife pode ser curta. Isso porque o departamento jurídico do Leão vai entrar com um recurso para cassar a liminar dele, o deixando impossibilitado de atuar profissionalmente no futebol. (BahiaNotícias)


// UPDATE - 24/01/11 - 16:30h - Vitória derruba liminar que liberava Ramirez para assinar com o Náutico
__________
Comentários
18 Comentários

18 comentário(s):

Ari Jones disse...

Imaginem vocês se esse perna de pau fosse um bom jogador?! Que desgraça ele não iria fazer. Será que ele não sabe que a carreira de jogador é curta e que muitos deles passam até fome quando para de jogar? No Matatú de Brotas tem um que se não fosse os amigos estava muito pior do que está ou já tinha morrido.

Lucas Serra disse...

A nomorada dele deve torcer pelo Náutico... srsrrs

Anônimo disse...

Vele nem a pena lutar por esse cara...

Anônimo disse...

Não sou de fazer questionamentos sobre a atuação da diretoria mas se perderem esse cretino por falta de pagamento de FGTS, ja que temos varios precedentes, realmente é de uma incompetência brutal...

No mais ele é uma bosta mesmo, não quero nem de graça no meu time.

Antonio

Lucas Serra disse...

A minha dúvida é se a obrigação de pagar o FGTS era do Vitória ou do Náutico... será que o salário era pago pelo Vitória durante o empréstimo?

Anônimo disse...

Quem manda o Vitória não recolher o FGTS do atleta. Os dirigentes demonstraram nas entrevistas tanta autoridade, afirmando que o atleta só iria pra onde o Vitória quisesse, pois detinham os direitos federativos do mesmo. No entanto, esqueceram de cumprir com o mínimo da obrigação (Recolhimento do FGTS).
Não vão conseguir a cassação da liminar, pois o direito do atleta é bom.
Chora bando de HIPOCRÍTAS. e espero vocês aqui na série B no caldeirão dos aflitos.

Lucas Serra disse...

Se o Vitória deixou de pagar, realmente vacilou legal...

Esqueceu que ano passado vcs perderam no Aflitos e aqui, no caldeirão do Barradão??

João Paulo disse...

Veja a noticia no EC Vitória sobre essa situação http://www.ecvitoria.com.br/site/noticias/detalhe.jsp?CId=14551

Anônimo disse...

Creio q a diretoria do Vitória deveria também levar em consideração o desejo do atleta.. Ramirez sempre deixou claro q não desejava jogar no Sport, e sim no Náutico, q procurou a diretoria do Vitória, e, inexplicavelmente, essa diretoria negou de forma dura a liberação do atleta, algo estranho. Desta forma, ao perceber uma oportunidade, através do atraso no recolhimento do FGTS, o jogador conseguiu um liminar e fechou contrato com o clube q ele desejava jogar... o Náutico...

João Paulo disse...

Veja a nova noticia no EC. Vitoria sobre esse cara http://www.ecvitoria.com.br/site/noticias/detalhe.jsp?CId=14551

Anônimo disse...

Sobre a nova notícia da revogação da liminar, o atleta tem em mãos os comprovantes do não recolhimento do FGTS. Se o Vitória levou um comprovante provando o recolhimento é porque fez o depósito e puxou um extrato. Se isso se confirmar o juiz revogou a liminar errôneamente e o direito do Ramirez continua sendo muito BOM. Ninguém é tolo, acordem... Sexta não estava recolhido e, do nada, hoje aparece os depósitos.

Anônimo disse...

O periodo da escravidão acabou em 1888, o Ramirez não é escravo mau remunerado do Vitória, o problema é se essa moda e os outros jogadores resolverem fazer uma visita a CEF e descobrirem que a inadimplência é generalizada, estamos de olho diretoria incompetente, essa liminar dada por atraso de FGTS é um direito liquido e certo do jogador dificilmente será caçada e não compença o Vitória gastar dinheiro com causa perdida e nem culpar o Nautico, já que esse jogador é um grande perna de pau mesmo, tem é que pagar o FGTS atrasado dos outros jogadores, se essa moda pega o prejuízo poderá ser mil vezes maior.

Anônimo disse...

que confuzao!!!


Paulo

Lucas Serra disse...

Pra mim ainda está em vigor a lei e a fiscalização do pagamento de impostos federais por causa da Lotomania.

Acho que o Vitória paga em dias seus impostos.

Anônimo disse...

se fudeu o vitoria recoreu.

Anônimo disse...

se fudeu o vitoria recoreu.

Anônimo disse...

Vejam o que diz o desqualificadso presidente do Náutico:

Presidente do Náutico tranquilo com relação ao caso Ramirez
Berilo Júnior afirmou que o jogador já recorreu novamente da decisão e que deve estar livre do Vitória até a sexta-feira. "Despacho da juíza foi chinfrim", avaliou o dirigente
Alexandre Barbosa - Diario de Pernambuco

(4) Comentários | Comentar | Votação | Tags:


Publicação:24/01/2011 18:08
Atualização:25/01/2011 00:20

O Náutico não está nem um pouco preocupado com a revogação da liminar que liberou o volante Ramirez do Vitória. O presidente Berillo Júnior garantiu que o despacho da juíza Cecília Pontes Barreto Magalhães, da 11ª Vara da Justiça do Trabalho da Bahia, não tem nenhuma consistência e que será facilmente revertida. Ele espera que até este sexta-feira o imbróglio judicial tenha um decisão final (sem mais espaço para recursos) em favor do jogador e do Timbu.

Berillo Júnior recebeu na tarde desta segunda-feira o despacho da juíza ao qual ele qualificou como "chinfrim". Ele disse que o Vitória não apresentou nenhuma prova consistente - ao contrário do que chegou a afirmar em seu site oficial - e que nesta terça-feira o advogado do jogador vai entrar com um mandato de segurança para reaver a liberação - Ramirez já entrou também com o pedido de rescisão indireta do contrato com o Rubro-negro baiano.

"Estou com o despacho em mãos e ele é fraco, chinfrim. Já falei com o advogado do atleta e como hoje (segunda-feira) não dá mais tempo, amanhã (terça-feira) ele vai entrar com o pedido na Justiça em Salvador. Acredito que até a sexta-feira já tenhamos uma resposta definitiva sobre o assunto. Estamos muito tranquilos com relação a esse caso", afirmou Berillo Júnior, que é advogado especializado em causas trabalhistas.

Segundo o dirigente, o Vitória não apresentou nenhuma prova convincente de que depositou o FGTS de Ramirez. Ele explicou que alegação do clube baiano para caçar a liminar do jogador era de que a responsabilidade de depósito seria do América/RN, equipe à qual o volante foi emprestado de junho a dezembro de 2009.

"Essa justificativa não tem nenhum fundamento, porque a responsabilidade continua atrelada ao Vitória. O direito que eles teriam, no caso, seria pedir a reparação de danos ao América/RN. Mesmo assim, o Vitória também não depositou o FGTS de julho e dezembro de 2006 e de janeiro a agosto de 2007, quando ele ainda estava lá", contou Berillo Júnior.

Anônimo disse...

esse filho da puta deveria tomar um tiro no meio da testa!!!!!! vagabundo, perna de pau ai se eu te encontro nas baladas.

Postar um comentário

Siga o ECVitóriaNotícias no Twitter: @ecvnoticias

Últimas notícias

Postagens populares (última semana)

Postagens populares (últimos 30 dias)

CAMPEONATO BRASILEIRO 2014 (28ª rodada)

Jogo ao vivo: Sport x VITÓRIA .


Dia: 12/10/14 (domingo)

Horário: 18:30h (hor. de Brasilia)


Links das rádios/tv na web:


Rádio Metrópole 101,3 FMRádio Transamérica 100,1 FMRádio TudoFM 102,5Rádio Itapoan 97,5 FMRádio CBN 100,7 FMRádio Sociedade 740 AMRádio Excelsior 840 AM